Publicidade

Início  /  

/

Aquecimento global: conceito, causas e principais consequências

aquecimento global

O tema de hoje está esquentando os debates em todo o mundo! E é claro que estamos falando do aquecimento global. Neste artigo, vamos mergulhar fundo nesse assunto crucial. 

Começaremos entendendo o que é o aquecimento global, descobrir o que o causa e explorar as consequências que ele traz para o nosso planeta. É uma jornada fascinante e, ao mesmo tempo, preocupante, mas aqui você encontrará informações valiosas para entender melhor essa questão e descobrir como cada um de nós pode fazer a diferença. Então, vamos lá? 

O que é aquecimento global?

Em teoria todo mundo sabe o que é aquecimento global, mas vamos explicar direitinho para você. O aquecimento global é o processo de mudança da temperatura média global ao longo do tempo, tanto da atmosfera quanto dos oceanos. Esse fenômeno ocorre devido a intensificação do efeito estufa, o que acontece é que os gases de efeito estufa se acumulam na atmosfera e bloqueiam a saída do calor, retendo o mormaço dentro da camada de ozônio que rodeia o planeta. 

Recapitulando, o Sol emite ondas de calor que atingem a Terra, em tese parte desse calor deveria ser devolvida para o espaço, mas por causa do acúmulo desses gases isso não acontece. Os gases absorvem esse calor devolvido e mandam novamente para o planeta aumentando gradativamente a temperatura.

Porém existem muitas discussões sobre o assunto, alguns afirmam que não são os gases que estão agravando o aquecimento global, e alguns acreditam que nem existe aquecimento global. O fato é que nas últimas décadas tem se observado um aumento considerável da temperatura média do planeta. Estamos vendo um aumento de quase 1º Celsius, pode parecer pouco, mas especialistas especulam que se aumentar mais 1 grau podemos perder pelo menos 90% dos corais de água quente, desestabilizar os mantos de gelo, causar sérios problemas às pessoas, a vida marinha e do ártico.

Efeito estufa ou aquecimento global?

Não odeie o efeito estufa ele é um processo fundamental para a nossa vida, pois mantém o planeta em temperaturas amenas fundamentais para a vida na Terra. Se o calor fosse totalmente devolvido para o espaço a Terra seria muito fria e provavelmente não estaríamos aqui. Os gases do efeito estufa são vapor d’água, clorofluorcarbono (CFC), ozônio, metano, dióxido de carbono e óxido nitroso. Mas é a concentração desproporcional desses gases que causam o aquecimento global.

Quais são os principais gases de efeito estufa (GEE)?

Ah, os gases de efeito estufa, vilões ecológicos que ganharam destaque nos debates sobre o aquecimento global! Vamos explorar quais são os principais responsáveis por esse fenômeno:

 Entre eles, temos o dióxido de carbono (CO2), que é o mais conhecido e provém principalmente da queima de combustíveis fósseis, como carvão, petróleo e gás natural. Além do CO2, temos o metano (CH4), outro gás poderoso que surge de atividades humanas como a pecuária e a decomposição de resíduos orgânicos em aterros sanitários. Não podemos esquecer do óxido nitroso (N2O), produzido principalmente por práticas agrícolas, como o uso de fertilizantes sintéticos. 

Como acontece o aquecimento global?

Já que existem estudiosos que dizem que aumento de gases é bobagem, vamos pôr as cartas na mesa. Mesmo que não seja totalmente nossa culpa, uma grande parte dela é sim. Aliás, a maior parte da sociedade científica reconhece que as ações humanas são as principais causas do aquecimento global. Mas como nós emitimos esses gases para a atmosfera? Simples, degradando o meio ambiente. As maiores causas são as queimadas, o desmatamento e a poluição.

As queimadas já deixam claro onde está o problema. A fumaça emitida leva esses gases poluentes para a atmosfera. O desmatamento das florestas promove desequilíbrio ambiental, pois são elas que regulam a temperatura e detém o controle de chuvas. Com poluição queremos dizer ela como um todo, não só a emissão de gases tóxicos vindos das fábricas, mas também a fumaça que sai do escapamento do seu carro, os gases emitidos pela pecuária, aterros sanitários, e até a poluição das águas. 

Você pode estar pensando: mas eu não tenho nada a ver com isso. Tem sim, o lixo não reciclável que você joga fora vai para os aterros sanitários. Os plásticos que você usa podem ir parar no mar. No mar existem fitoplânctons e algas marinhas que absorvem gás carbônico e emitem oxigênio, a destruição do seu habitat pode significar a sua morte.

Quais são as causas que levam ao aquecimento global?

O aquecimento global é um tema que tem ganhado cada vez mais destaque devido às suas consequências significativas para o nosso planeta. É importante entendermos as principais causas por trás desse fenômeno para que possamos agir de maneira eficaz e mitigar seus impactos. Entre as principais causas, destacam-se as práticas humanas realizadas de maneira não sustentável. Isso inclui atividades como : 

Práticas humanas realizadas de maneira não sustentável:

As atividades humanas desempenham um papel fundamental no aquecimento global. A queima de combustíveis fósseis, como carvão, petróleo e gás natural, para gerar energia e alimentar indústrias, veículos e residências, é uma das principais fontes de emissões de gases de efeito estufa, como o dióxido de carbono (CO2) e o metano (CH4). Além disso, o desmatamento para a expansão agrícola e a urbanização descontrolada contribuem significativamente para a degradação ambiental.

Poluição:

A poluição atmosférica é outra causa importante do aquecimento global. Emissões de gases poluentes de veículos, indústrias e processos agrícolas contaminam o ar e contribuem para o aumento da concentração de gases de efeito estufa na atmosfera. Além disso, poluentes como dióxido de enxofre e óxidos de nitrogênio reagem na atmosfera, formando partículas que afetam a qualidade do ar e contribuem para o aquecimento global.

Queimadas:

As queimadas, especialmente em florestas tropicais, liberam grandes quantidades de CO2 na atmosfera. Além disso, a fumaça resultante das queimadas contém partículas de carbono que podem permanecer na atmosfera por semanas ou até meses, contribuindo ainda mais para o aquecimento global. As queimadas também levam à destruição de habitats naturais e à perda de biodiversidade, exacerbando os impactos negativos sobre os ecossistemas.

Desmatamento das áreas naturais:

O desmatamento, muitas vezes associado à expansão agrícola e à exploração madeireira ilegal, é uma das principais causas do aquecimento global. As árvores desempenham um papel crucial na absorção de CO2 da atmosfera e na regulação do clima, portanto, o desmatamento leva à liberação descontrolada de CO2 na atmosfera e à perda de biodiversidade. Além disso, a remoção de árvores reduz a capacidade do solo de armazenar carbono, contribuindo para o aumento das concentrações atmosféricas de gases de efeito estufa.

Quais são as consequências do aquecimento global?

Já entendemos que o aquecimento global é ruim, mas por que exatamente é ruim? Não é só um calorzinho a mais que você vai sentir não. As mudanças climáticas sejam de calor ou frio (sim, o frio intenso também é em decorrência do aquecimento global) causam impactos na fauna, flora, no oceano, na atmosfera e na saúde das pessoas.

Na saúde humana pode causar problemas respiratórios, problemas cardiovasculares, asma, câncer, obesidade, insolação, infertilidade, deficiência nutricional. No planeta temos consequências já vistas como o derretimento das calotas polares, que em pouco tempo causaram a extinção de espécies que lá habitam. E esse degelo ainda acarreta no aumento dos oceanos que futuramente causaram o desaparecimento de ilhas e até mesmo de países inteiros, além de baixas para as cidades litorâneas, já que haverá o desaparecimento das áreas ao nível do mar.

Essa temperatura desregulada pode levar várias espécies à extinção, pois o aumento do calor levaria a desertificação  do meio, além de secas prolongadas, dificuldades na produção de alimentos. Estudos sugerem que o aquecimento global também pode aumentar os casos de desastres naturais como inundações, tempestades, furacões e até erupções vulcânicas.

Aquecimento global: como combater?

Mas para tudo tem alguma solução, talvez não seja possível reverter o dano causado, mas daqui em diante podemos diminuir o agravamento. E para isso separamos algumas práticas fáceis de serem cumpridas, mas que podem fazer uma grande diferença no futuro.

Reduza o uso de carro

O seu carro emite uma grande quantidade de dióxido de carbono para a atmosfera, experimente outros meios de locomoção, ou faça caronas solidárias. Tente andar de bicicleta, patins, patinetes, ou até caminhadas. 

Recicle 

Separe o seu lixo de acordo com as cores da coleta seletiva, reutilize os seus produtos. Experimente produtos biodegradáveis, diminua o plástico, diminua a quantidade de lixo que você descarta, todas essas ações de reciclagem são válidas.

Seja vegano

A pecuária é um grande fator para o aquecimento, porque em seu processo são emitidas enormes quantidades de gases poluentes. Então consumir menos carne vermelha contribui para a diminuição do aquecimento global.

Faça compostagem 

Você mesmo compostar seus rejeitos diminui a concentração de gás metano no ambiente, e ainda pode servir de adubo para a sua horta em casa.

Menos CFCs

Combater o aquecimento global reduzindo a emissão de CFCs (clorofluorocarbonetos) é uma medida crucial para proteger o meio ambiente e a saúde humana. Os CFCs são compostos químicos encontrados em aerossóis, refrigeradores, aparelhos de ar condicionado e outros equipamentos industriais. Eles contribuem significativamente para o esgotamento da camada de ozônio, além de serem poderosos gases de efeito estufa.

Este artigo serviu como uma introdução valiosa a um tema tão relevante para o nosso tempo. 

No entanto, nossa jornada está apenas começando. Juntos, podemos fazer a diferença adotando medidas simples em nosso cotidiano, como reduzir o consumo de energia, optar por meios de transporte mais sustentáveis e apoiar políticas e práticas que visam a preservação do meio ambiente. Se você quer se aprofundar ainda mais neste assunto e descobrir maneiras práticas de contribuir para um futuro mais sustentável, convido você a explorar os demais artigos em nosso blog. 

Juntos, podemos fazer a diferença!

Siga o Meio Sustentável:

Adicione o texto do seu título aqui

Publicidade

Notícias Mais Lidas

Publicidade

Noticias relacionadas

aquecimento global

Aquecimento global: conceito, causas e principais consequências

Brazil climate summit foca em mudanças climáticas

Mudanças climáticas: saiba como elas afetam o meio ambiente

EUA alerta temperaturas extremas

EUA tem mais de 50 milhões sob alerta de temperaturas extremas

COP-27

COP-27: Saiba quais são as expectativas da maior conferência de clima do mundo

Marcas Responsáveis

Conheça empresas que levam a sustentabilidade no seu DNA

Marcas Responsáveis

Últimos conteúdos

Projetos que impactam

Funil urinário Pipizito e a acessibilidade urinária para mulheres

O Funil Urinário Pipizito traz praticidade e acessibilidade para mulheres, ideal para viagens, esportes e uso diário. Mais liberdade e
ESG, Negócios

O que é mercado livre de energia: saiba quais são os benefícios

Entenda o que é o mercado livre de energia e, mais importante ainda, como ele pode trazer benefícios tangíveis para
Sustentabilidade

COP 29: entenda o que é esse evento e qual é a sua importância

Sustentabilidade

O que é enchente: saiba quais são as principais causas e riscos

energia limpa
Energia Limpa

Energia limpa: o que é, quais são os tipos, vantagens e fontes

empreendedorismo verde
Tendência

Empreendedorismo verde: conheça quais são as características

Conheça quais são as características do empreendedorismo verde. E saiba como esses empreendedores estão moldando o futuro dos negócios!
ESG

Critérios ESG: descubra quais são e saiba como implementá-los

Eentenda os fatores ambientais, sociais e de governança que orientam práticas sustentáveis e saiba como aplicá-los na sua empresa.
Dióxido de carbono
Planeta

Emissão de carbono: o que é e qual seu impacto no mundo

A emissão de carbono representa o impacto no aquecimento global causado pela liberação de gases, como o dióxido de carbono